QUAL É A FUNÇÃO DE UM ZELADOR EM UM CONDOMÍNIO

A função de um zelador é fundamental no condomínio por que é ele que deve liderar todos os outros funcionários do local para que, assim, todas as atividades funcionem perfeitamente. Portando, todos os funcionários devem prestar contas a ele.

Logo, o zelador precisa ter facilidade para lidar com diferentes perfis de pessoas e saber gerenciar tarefas. Além disso, precisa ser muito organizado, responsável e dedicado para estar sempre de olho nas manutenções preventivas do condomínio.

 

As convenções dos sindicatos regionais determinam a função de um zelador:

Parágrafo Primeiro – Zelador é o empregado a quem compete, salvo disposição em contrário no contrato individual de trabalho, as seguintes tarefas:

a) Ter contato direto com a administração do edifício e agir como preposto do síndico ou da administradora credenciada;

b) Transmitir as ordens emanadas dos seus superiores hierárquicos e fiscalizar o seu cumprimento;

c) Fiscalizar as áreas de uso comum dos condôminos ou inquilinos, verificar o funcionamento das instalações elétricas e hidráulicas do edifício, assim como os aparelhos de uso comum, além de zelar pelo sossego e pela observância da disciplina no edifício, de acordo com o seu regimento interno ou com as normas afixadas na portaria e nos corredores.

 

Quais conhecimentos e habilidades necessárias para exercer a função de um zelador

Falamos brevemente que o zelador deve ser uma pessoa com facilidade em liderar pessoas, além de ser muito organizado, responsável e dedicado. Saber se planejar também é um item fundamental e está diretamente relacionado com as características que citamos até aqui.

Além disso, é importante que ele seja uma pessoa proativa e que está sempre de olho nas melhorias para prevenir problemas, mas que também sempre se dispõe a resolvê-los. Caso ele tenha noções do funcionamento de diferentes aparelhos (rádio, ar-condicionado, câmeras, etc) vai ajudar bastante a fazer as manutenções com os devidos fornecedores.

É bastante útil que o zelador também tenha noções de segurança para combater incêndios (saber usar extintores, saber o telefone dos bombeiros, identificar vazamento de gás, etc), para agir em casos de invasões e assaltos (ter agilidade para avisar a polícia, alerta moradores, etc) e para trabalhar em prol da saúde pública no condomínio (prevenindo possíveis focos de dengue, por exemplo).

Outra habilidade que se espera de um zelador é que ele saiba atender condôminos ou visitas externas com bastante educação e clareza em situações onde ele for solicitado. O zelador ainda deve saber se reportar à administradora do condomínio, quando for necessário, e deve ter fácil acesso para quando for procurado por alguém da administração.

Uma das coisas mais importantes para o zelador é a sua apresentação pessoal, portanto, ele deve estar sempre limpo, asseado e barbeado. Nunca deverá circular pelo condomínio de maneira desleixada e aparentando falta de profissionalismo.

 

Quais tarefas devem fazer parte do dia a dia de um zelador

O síndico deve acompanhar de perto a função de um zelador e deve organizar suas tarefas diárias por meio de uma lista para ajudar na organização.

Algumas tarefas mais básicas do dia a dia dele são: checar o relógio de água, checar o funcionamento dos elevadores, observar a limpeza dos espaços comuns, piscinas e jardins, verificar se há lâmpadas queimadas nas áreas comuns, olhar as condições da casa de força, bomba de recalque, casa de máquinas, grupo gerador, central de telefonia e motores de portão.

Outra tarefa bem comum do zelador é ouvir reclamações dos condôminos e repassá-las ao síndico (cabe destacar aqui que o zelador deve ter sempre uma postura educada e pacata para não entrar em conflitos desnecessários e que quem deve tomar a frente sempre é o síndico).

Para organizar suas tarefas diárias e estar sempre em dia com as manutenções preventivas do condomínio, o ideal é que o zelador faça um roteiro de inspeção para que ele vá acompanhando as ações que estão em andamento e as ações a serem feitas.

 

O que o zelador não deve fazer

O zelador não deve se comportar como “vice-síndico”, mesmo quando o titular não estiver à disposição dos condôminos. Cada profissional tem o seu papel e suas funções aprovadas em assembléia e deverão ser responsabilizados por aquilo que cabe a ele. Se você quer saber mais sobre o papel do síndico, não deixe de conferir este artigo.

Portanto, moradores não podem pedir ou determinar que o zelador faça algum trabalho em determinado momento sem antes pedir autorização do síndico. Caso ele seja terceirizado, as ordens deverão ser destinadas à empresa prestadora de serviço para não gerar vínculo empregatício com o mesmo.

Caso o zelador seja um funcionário do condomínio, poderá responder diretamente ao síndico e, ainda, ajudará a liderar a equipe de funcionários do local.

O zelador tem um papel fundamental e indispensável para o bom funcionamento do condomínio, por isso, deve-se ter muita atenção ao contratar um profissional para que ele atenda todas as expectativas e desenvolva um trabalho impecável.

Fonte: Falando de Condomínio

Contato

 contato@moviva.com.br

(11) 4118-7711
LOGO MOVIVA Branco

©2020. Todos os direitos reservados.

 Av. São José, 618 Sala 402 – Cristo Rei, Curitiba – PR, 80050-350